NACIONAL
15.06 - 15h02min
A
A
A
Pecuária brasileira cresce no primeiro trimestre de 2017

 

O abate de frangos, suínos e bovinos aumentou no Brasil no primeiro trimestre de 2017 em comparação com o mesmo período do ano passado. O resultado foi divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no relatório das Pesquisas Trimestrais do Abate de Animais, Trimestral do Leite, Trimestral do Couro e Produção de Ovos.

O abate de frangos, que totalizou 1,48 bilhão de cabeças, foi 5,1% acima do registrado no 4º trimestre de 2016. Na comparação com o mesmo trimestre do ano anterior, houve aumento de 0,3%. Esse resultado ocorreu devido ao crescimento nos abates em 16 das 24 unidades da Federação que participaram da pesquisa.

Em relação aos suínos, a pesquisa mostra que foram realizados 10,46 milhões de abates, aumento de 2,6% na comparação com o mesmo período de 2016. O abate de 269,64 mil cabeças de suínos a mais foi impulsionado por 12 das 25 unidades da Federação participantes da pesquisa. Entre os estados com participação acima de 1%, registraram aumento Santa Catarina (+228,56 mil cabeças), Mato Grosso (+54,70 mil cabeças), Paraná (+38,40 mil cabeças), Minas Gerais (+29,61 mil cabeças), Mato Grosso do Sul (+20,30 mil cabeças), Goiás (+10,22 mil cabeças).

Já o abate de bovinos foi de 7,37 milhões de cabeças. Na comparação com o primeiro trimestre de 2016, houve alta de 0,7%. Foram 49,62 mil cabeças a mais impulsionadas pelos estados de Goiás (+97,26 mil cabeças), Tocantins (+27,53 mil cabeças), Rondônia (+25,43 mil cabeças), Pará (+16,72 mil cabeças) e Bahia (+15,67 mil cabeças).

Ovos, leite e couro

A produção de ovos de galinha foi de 788,26 milhões de dúzias no 1º trimestre de 2017. Comparando com o mesmo período de 2016, houve aumento de 4,1%.

A aquisição de leite cru feita pelos estabelecimentos que atuam sob algum tipo de inspeção sanitária (federal, estadual ou municipal) foi de 5,87 bilhões de litros. O volume foi  0,1% maior que o alcançado no 1º trimestre de 2016.

Na Pesquisa Trimestral do Couro, foram declarados o recebimento de 8,25 milhões de peças inteiras de couro cru de bovinos. Essa quantidade foi semelhante à registrada no trimestre imediatamente anterior e 1,7% menor que a apurada no 1º trimestre de 2016.


Fonte: Paraná Portal 
Foto: Portal Brasil

Deixe o seu comentário
PARCEIROS
Umuarama 24 Horas
Copyright © 2014
Todos os direitos reservados.
44 3624-8479
44 8454-2073
Por: