ESPORTES
27.11 - 08h16min
A
A
A
Novo presidente, Galiotte quer que Cuca continue no Palmeiras em 2017

Mauricio Galiotte foi eleito presidente do Palmeiras na tarde deste sábado. Representante de uma chapa única na disputa, o dirigente atingiu a meta de ter mais de 50% de aprovação dos associados do clube na assembleia ao receber 1.639 votos dos 1.733 válidos – 94 votaram em branco.

Faltando apenas um ponto para o Verdão conquistar o Campeonato Brasileiro, Galiotte desconversou sobre o futuro. Sem antecipar o planejamento de contratações para a próxima temporada, o sucessor de Paulo Nobre deixou para depois da competição as negociações sobre as renovações do técnico Cuca e do diretor Alexandre Mattos, mas deixou claro o interesse de manter a atual comissão técnica.

– Como analisamos o profissional, no conceito de gestão com metas e objetivos, com trabalho que se avalia no dia a dia, o Cuca é muito bem avaliado, obviamente. Se houver a possibilidade, se chegarmos a um denominador comum, eu e todos os palmeirenses gostaríamos que ele ficasse – disse o dirigente.


Nascido em 1969, Galiotte é sócio do Palmeiras desde 1978. Entre 79 e 87, chegou a defender as cores do clube nas categorias de base de futebol de campo e de futsal. Eleito conselheiro pela primeira vez em 2001, já foi diretor de esportes amadores na gestão de Affonso Della Monica, diretor social na gestão de Luiz Gonzaga Belluzzo e vice-presidente nos dois últimos mandatos de Paulo Nobre.

– Juninho e Rivaldo são presidentes que foram jogadores. Eu passei rapidamente (risos).

Galiotte concorreu ao pleito acompanhado de seus vices Genaro Marino Neto, Antonino Jesse Ribeiro, Victor Fruges e José Carlos Tomaselli.

Presente na sede do clube desde o começo da manhã de sábado, Galiotte conversou com associados e conselheiros na maior parte do tempo da eleição. No início da votação, fez questão de cumprimentar alguns associados que formaram fila na entrada do ginásio Palestra Italia. Atual presidente, Nobre acompanhou a apuração e o anúncio ao lado de seu sucessor.

Figuras importantes da vida política do clube marcaram presença, como os ex-presidentes Arnaldo Tirone, Mustafá Contursi e Affonso Della Monica. 


Responsáveis pelo patrocínio da Crefisa e da Faculdade das Américas, José Roberto Lamacchia e Leila Pereira também votaram. Leila, que estava de camisa do Palmeiras, será candidata ao Conselho Deliberativo do clube em fevereiro de 2017.

Primeiro vice nas duas gestões de Nobre, Galiotte manteve a composição de sua diretoria para o mandato que se inicia no próximo dia 15 e é válido até o fim de 2018.

Genaro Marino, Antonino Jesse Ribeiro e Victor Fruges permanecem na vice-presidência, agora também na companhia de José Carlos Tomaselli.

Confira outros trechos da entrevista coletiva do novo presidente do Palmeiras:

 

  • Prioridades da gestão, estilo parecido com Nobre:

– A nossa ideia é que o modelo de gestão que implementamos nos últimos anos tenha continuidade. Obviamente, temos assuntos que são prioridades, e a eles será dada toda atenção. O futebol profissional deve ser protagonista, tem de brigar pelo título em todo campeonato. Responsabilidade administrativa e financeira sempre foram ícones e manteremos. Não abrimos mão da profissionalização. E o clube social, que durante os últimos anos, por causa da construção da arena, passou por um momento difícil, terá toda atenção também.

  • Assumir com um título iminente é uma pressão?

– O momento é muito positivo. Assumir a presidência do Palmeiras é algo de muita responsabilidade sendo antes ou após um título. Claro que a euforia, a alegria, é latente neste momento, mas a responsabilidade existe em todos os momentos.

  • Relação com a torcida:

– Isso é um tema. O fechamento da rua Palestra Italia é outra situação. O fechamento é uma solicitação da PM e da Secretaria de Segurança Pública por causa de várias ocorrências que existiam durante os jogos. Não compete ao Palmeiras dizer o que PM tem ou não tem de fazer. A festa é maravilhosa, sem dúvida. O torcedor cantando e participando é muito bacana.

  • Relação com a Crefisa:

– Cada um de nós tem um perfil, uma maneira de tratar assunto. A Crefisa e a FAM foram fundamentais no Palmeiras nos últimos anos de reconstrução. O contrato só vence em janeiro. Durante o período, tivemos uma diferença de expectativa e conseguimos superar. Hoje, a Crefisa está absolutamente confortável com o contrato que tem conosco, o Palmeiras da mesma maneira. Podemos concluir que é uma parceria de sucesso.

  • Reforma do estatuto do clube:

– A reforma estatutária ainda não foi colocada em prática, mas o grupo está com o assunto em pauta. Nós, da diretoria, daremos todo apoio necessário para que tenhamos o mais rápido possível os assuntos aprovados. É um tema amplo, complexo, que demanda tempo.

  • Paulo Nobre na nova gestão:

– Nosso objetivo é dar continuidade ao trabalho. Pouco importa qual será a função dele, a denominação, a partir de agora. O importante é que ele estará 100% à disposição sempre que houver necessidade.

  • Libertadores-2017:

– É um novo modelo de Libertadores, vamos aprender um pouco. Temos trabalhado com foco em todas as competições que o Palmeiras vai atuar em 2017. Também a Libertadores, sem dúvida. De contratações, não podemos falar. Normalmente não tratamos desse assunto antes de ter tudo definido.

  • Paz política no clube:

– Eu diria que a paz política é consequência dos resultados. É o momento, o reconhecimento das pessoas de tudo o que está ocorrendo, do caminho que o clube está tomando. O principal é o reconhecimento do trabalho. É o momento de todos, do Palmeiras.

  • Relação Palmeiras-WTorre:

– Palmeiras e WTorre é uma parceria de 30 anos. Temos um relacionamento institucional, temos as nossas diferenças que todos conhecem.

  • Momento do clube:

– Hoje, o momento é muito especial para o palmeirense. A expectativa do título é um momento de satisfação. Trabalhamos para entregar alegria e orgulho ao palmeirense. É o nosso objetivo esportivamente. Estou eleito, mas a posse é no dia 15 de dezembro. O presidente do título é o presidente Paulo Nobre.


Fonte: G1
Foto: Ag Palmeiras/Divulgação

 

Deixe o seu comentário
PARCEIROS
Umuarama 24 Horas
Copyright © 2014
Todos os direitos reservados.
44 3624-8479
44 8454-2073
Por: